Pontos fundamentais sobre a Amniocentese:

http://www.infopedia.pt
http://www.infopedia.pt
  • É uma técnica invasiva para diagnóstico de algumas doenças Hereditárias;
    .
  • É realizada pelas 14/15 semanas;
    .
  • É um exame facultativo que pode ser aconselhado em determinadas situações:
    – Se o pai ou a mãe forem portadores de alguma condição genética, que implique o risco de transmissão para o bebé;
    – Se existe uma doença genética na família do pai ou da mãe com risco de vir a ser transmitida ao bebé.
    – Se a mãe tiver mais de 35 anos;
    – Se tiver realizado um rastreio bioquímico ou ecográfico, em que o resultado seja indicativo de risco de doença genética;
    – Se tiver um filho (ou uma gravidez anterior) com malformação congénita.
    .
  • Consiste na introdução de uma agulha fina através do abdómen até ao útero a fim de ser retirada uma amostra de liquido amniótico para posterior análise. Este processo é monitorizado através de ecografia;
    .
  •  O risco de aborto após a realização de uma Amniocentese é de 1%;
    .
  • A maioria das mulheres que passaram por este exame, não relatam dor. Normalmente é descrito como  algo desconfortável e não propriamente doloroso.

A decisão de realizar este exame cabe unicamente ao casal.
Fale com o seu médico assistente e esclareça todas as suas dúvidas.

Já alguma vez realizou uma Amniocentese? Se sim, proponho que deixe o seu comentário com o seu relato, desta forma irá ajudar outras mães.