Importância do rastreio visual

O rastreio visual é bastante importante, principalmente nos primeiros anos de vida. Estima-se que 5 a 10% das crianças em idade pré escolar sofram de algum tipo de problema visual, e muitos destes problemas podem tornar-se irreversíveis senão forem diagnosticados precocemente.

Quando deve realizar a primeira consulta de Oftalmologia? 

primeira consulta oftalmologiaNos primeiros dias de vida (ou mesmo à nascença) o bebé deve ser submetido a um teste para despiste de algumas doenças (catarata congénita, glaucoma, retinopatia da prematuridade, etc). Certifique-se que este exame é realizado.

Cabe ao Pediatra do seu filho fazer o despiste de qualquer problema visual, nas consultas de rotina.

Mesmo na ausência de sinais que indiquem qualquer tipo de problema, os rastreios visuais são de extrema importância, certifique-se que o pediatra faz esses rastreios pelo menos aos 3, 6 e 12 mesesAos 3 anos visite um oftalmologista pediátrico e se estiver tudo bem volte a marcar consulta pelos 5/6 anos.  Bebés prematuros ou com história familiar de problemas oftalmológicos graves devem antecipar essa consulta para o primeiro ano de idade. 

Grande parte dos problemas visuais nas crianças é totalmente assintomático, e podem passar despercebido aos pais e educadores, portanto, se desconfia que algo não está bem, não perca tempo e leve o seu filho a uma consulta de Oftalmologia. Lembre-se que muitos dos problemas visuais graves podem ser tratados de uma forma totalmente eficaz se forem diagnosticados a tempo.

Quais os sinais de alerta?

Os pais (e educadores) devem estar atentos ao sistema visual da criança e aos sinais que podem evidenciar algum problema.

Ter atenção a:

  • Os olhos do seu filho estão alinhados?
  • Os movimentos oculares são estáveis e concordantes?
  • A criança esfrega os olhos constantemente?
  • Pisca e semicerra os olhos quando está a fixar?
  • Têm os olhos sempre vermelhos e/ou a lacrimejar?
  • Inclina a cabeça para conseguir ver melhor?
  • Aproxima-se muito da televisão?
  • Nota que o seu filho têm dificuldades de concentração?
  • Está constantemente a cair?
  • Um dos olhos parece mais fechado do que o outro?

Quais os problemas visuais mais frequentes nas crianças?

  • Miopia: “ver mal ao longe”
  • Hipermetropia “ver mal ao perto”
  • Astigmatismo: “visão desfocada”
  • Estrabismo: “olhos desalinhados”
  • Ambliopia: “olho preguiçoso”

Olhe pelos olhos do seu filho!!